Spaghetti à Carbonara: Low carb e gluten free

Olá meu povo! Essa é a segunda receita salgada que eu trago pra vocês, e eu posso dizer que caprichei. Não comia um trem bom desse fazia muito tempo, mesmo em restaurantes veganos, de junkie food aos mais sofisticados. Foi de comer rezando, até eu fiquei um pouco assustada com o resultado final dessa receita. Sério, eu nem sei como descrever a experiência de comer esse macarrão.

O que eu fiz foi basicamente uma versão veganizada e super fitness do Spaghetti Italiano à Carbonara, a base de bacon e ovos. Como de costume, ele é totalmente low carb, sem glúten e de baixo valor calórico. Exatamente por isso é tão impressionante, porque ele tem gosto de junkie food!

DSC_0169 copy.jpg

A receita na verdade é bem simples de fazer, mesmo. O mais complicadinho aqui pode ser pra encontrar certos ingredientes, que infelizmente não consegui deixar de fora porque eram necessários pra que essa versão chegasse a uma semelhança com a receita tradicional. Mas posso te dizer que todos os ingredientes foram super baratinhos (vou colocar os preços) e se você conseguir achar vale muiiiito a pena, porque fica realmente muito parecido! Pra quem é do Rio de Janeiro: Eu comprei minhas coisas na Casas Pedro, podem ir lá que vocês com certeza vão encontrar. Tem Casas Pedro espalhada pela cidade toda, dá uma pesquisada na mais próxima da sua casa.

Vou economizar nesse papo inicial porque a receita é longa, então vamos conferir como faz essa receita maravilhosa? Ah, eu sei que a receita tradicional leva ovo quase cru com a massa, mas como não queria nem uma versão veganizada disso resolvi substituir pelo molho branco.

DSC_0179 copy.jpg
Receita

Ingredientes

Para o macarrão

  • 250g de espaguete de pupunha
  • 1 colher de chá de cúrcuma
  • 1/2 colher de chá de azeite
  • Cebolinha pra decorar

Para o bacon

  • 200g (1/2 bandeija) de tofu extra firme
  • 3 colheres de sopa de molho de soja
  • 3 colheres de sopa de fumaça em pó
  • 2 colheres de sopa de pó de beterraba
  • 2 colheres de sopa de azeite ou outro óleo vegetal
  • 1 colher de chá de maple syrup, melado ou agave
  • 1/4 de colher de chá de páprica
  • 1/4 de colher de chá de sal

Para o molho

  • 1/3 de xícara de castanha de caju crua e sem sal, demolhadas por pelo menos 12h
  • 1/2 cebola pequena picada
  • 1 dente de alho amassado
  • 2 colheres de chá de cebola em pó
  • 1/2 colher de chá de sal ou salgue a gosto
  • 2 colheres de sopa de biomassa de banana verde
  • 1/2 xícara de água
  • 2 colheres de chá de suco de limão ou vinagre branco

Para o queijo ralado

  • 1 xícara de castanha de caju crua e sem sal
  • 2 colheres de sopa de nutritional yeast*
  • 1 colher de chá de cúrcuma (ou vai adicionando aos poucos, medindo a cor e provando, porque esse tempero é bem forte)

Modo de fazer

  • Para o macarrão:
    Cozinhe o espaguete de palmito pupunha na agua com sal por aproximadamente 10 minutos em fogo médio pra baixo, ou até que eles fiquem al dente. Depois disso, refogue ele no azeite e cúrcuma numa frigideira por mais ou menos 2 minutos, apenas para que fiquem mais maleáveis e amarelinhos, e mais parecidos com um macarrão tradicional. O gosto fica maravilhoso fazendo esse processo, então eu realmente recomendo.
    *Se você não se importa com o fato do macarrão ser low carb e gluten free, você pode simplismente usar o macarrão de sêmola tradicional que se compra no mercado. Ou claro, substituir pelo macarrão da sua escolha. Ah, eu comprei o espaguete de pupunha no hortifruit e custou R$7,50 a bandeija com 250g.
  • Para o bacon:
    Preaqueça seu forno a 230 graus. Enquanto isso, misture o molho de soja, o azeite, a fumaça em pó, o maple syrup (ou outro xarope adoçante) e o pó de beterraba em um recipiente. Corte o tofu extra firme em pedaços e jogue ele nesse molho. Agora o que você vai fazer é amassar os pedaços de tofu com um garfo no molho, como se estivesse fazendo um “tofu mexido”. Amasse bem mas deixe uns pedacinhos pequenos pra ficar mais parecido com o bacon. Esteja segura de que todos os pedaços estão muito bem cobertos pelo melhor e completamente rosinhas. (Ignore esse comentário sobre a cor se você fizer sem o pó de beterraba) Coloque os pedaços de tofu com o molho em uma forma forrada com papel pra assar/papel manteiga e leve ao forno por 30 minutos. No meio do tempo dê uma mexida nele pra não queimar. Depois dos 30 minutos, tire do forno e deixe esfriar. Solte os eventuais tofus presos no papel de assar e coloque eles em um recipiente separa. Adicione o sal e a páprica, mescle bem e prove pra ver se o sal está no ponto. E tá pronto.
    *O pó de beterraba (custou R$1,25 reais um pacotinho com 50g) é opcional, mas dá essa corzinha mais de bacon e também é adocicado, No caso de fazer sem ele aumente a quantidade de maple syrup pra 1 colher e 1/2 de chá. E tenha em mente que seu bacon nao vai ficar rosado, mas também vai ficar semelhante ao tradicional bacon torrado. A fumaça em pó (custou R$1,00 um pacotinho com 50g) é extremamente importante, ela é que vai deixar com o gosto de bacon. Se você não tiver a fumaça em pó nem a líquida, pode substituir por páprica defumada, mas o gosto não vai ficar tão semelhante.
  • Para o molho:
    Refogue o alho e a cebola. Depois que estiverem douradinhos, coloque junto com todos os ingredientes no processador e bata até formar um creme liso e homogeneo, sem pedacinhos.*A cebola em pó (custou R$1,15 um pacote com 50g) é total opcional, mas é que eu sempre gostei de molho branco com o gosto bem forte de cebola. Dá pra substituir a biomassa aumentando a quantidade de castanha de caju pra 1 xícara de chá. Mas acho que fica mais parecido com o molho branco tradicional dividindo bem a castanha de caju com a biomassa, fica mais neutro. A castanha de caju tem um gostinho bem particular, prefiro ressaltar esse gosto em imitações de queijos ou laticínios de gosto forte como iogurtes vegano. Não coloquei o custo da biomassa porque fiz em casa, mas pra vocês terem uma ideia: gastei R$5,00 no cacho de banana verde que me rendeu um pote de 250g mais ou menos de biomassa, nessa receita eu usei só 2 colheres e congelei o resto).
  • Para o queijo ralado:
    Processe ou bata no liquidificador as castanhas até que virem um pózinho. Depois disso adicione a levedura e a cúrcuma e mescle bem. Coloque em um recipiente de preferencia de vidro e esterilizado e guarde fora da geladeira (dentro pode umidecer e formar gruminhos).*A levedura nutricional (custou R$23,90 um pote com 140g, estou usando em tudo o que como e tá me durando bastante – comprei na undo Verde.) é realmente importante nesse caso, eu diria que ela é a protagonista. Pra quem não sabe o que é: A levedura nutricional é uma levedura que costuma ser usada como suplemento alimentar, e é principalmente utilizada por veganos por conta da vitamina b12 e do gosto particular muito semelhante à queijo. Eu sei que ela é difícil de ser encontrada, a gente tem pouquíssima opção nacional, então caso você não a tenha em casa, pode fazer sem ela (tenha em conta que não vai ter o gosto tão forte de queijo) ou, já vi também muita gente usar a levedura de cerveja mesmo, essa é bem mais fácil de encontrar e bem barata. Porém como nunca provei não tenho como dizer se é um bom substituto pro gosto. Pra quem se interessar, a levedura nutricional que eu uso é da marca essa da Eat Clean Brasil e como eu disse, custa em média R$23,90 140g.DSC_0182 copy.jpgE aí, o que acharam da minha primeira receita salgada mais elaborada do blog? Levo jeito ou é melhor continuar nos doces? hahaha Brincadeiras à parte, gostei muito de veganizar essa receita porque sou louca por massas. Ela me abriu a mente pra testar outras receitas tradicionais italianas. Vamos esperar pra ver qual vai ser minha próxima aventura na culinária das massas! Espero que tenham gostado e que façam essa receita em casa, de verdade vale muito a pena. Essa é bem daquelas feitas pra impressionar carnista, vocês sabem que eu adoro conquistar os não veganos pelo estômago, né? Mostrando que o veganismo além de um movimento lindo, quem segue ele é muito feliz e nunca passa fome.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: